barras

Diabetes

prevenir o aparecimento da doença são: usar moderadamente o açúcar, manter o peso adequado, fazer exercícios regularmente e moderar o consumo de álcool. E, para quem é portador de diabete, recomendamos: Comer devagar, mastigando bem os alimentos; consumir de 2 a 3 litros de água por dia; usar adoçantes artificiais. São proibidos: açúcar refinado e outros como mel, melaço e açúcar mascavo; ter horários regulares para as refeições; evitar o cigarro e bebidas alcoólicas; realizar atividades físicas regularmente; ingerir alimentos ricos em fibras (verduras, legumes, frutas e cereais integrais); reduzir o consumo de sal.



Micose:

O verão chegou e com ele vem a vontade de praticar esportes, de sair, de ir à piscina e à praia. É nessa época também que os problemas com micoses de pele aumentam, pois seus causadores, os fungos, se proliferam com a umidade e o calor, embora possam se instalar no corpo durante todo o ano.

• Após o banho, enxugue-se bem, principalmente nas áreas de dobras, como o espaço entre os dedos dos pés e a virilha;

• Não use por períodos prolongados, calçados que abafem muito os pés, como tênis, sapatos de borracha, etc.;

• Antes de freqüentar a praia ou piscina, faça um exame médico. Procure não ficar muito tempo com o maiô molhado;

• Escolha sempre roupas íntimas de fibras naturais, como o algodão. As fibras sintéticas prejudicam a transpiração;

• Ao freqüentar banheiros públicos, evite estar descalço. Use sandálias durante o banho para evitar contato com o piso;

• Se o seu trabalho exige o uso de luvas de proteção, escolha as que vêm com forração de algodão.


Prevenindo Varizes

Dê intervalos no ato de ficar em pé e levante seus pés quando você puder. Vista meias de suporte, bem ajustadas, para reduzir o risco sofrer de varizes. Evite vestir meias na altura dos joelhos que sejam apertadas, bem como ligas, cintas e meias-calças. Evite sentar com suas pernas cruzadas. Dê curtas caminhadas durante o seu dia de trabalho; "caminhe no lugar" enquanto trabalha ou mexa seus dedos dos pés com freqüência. Isto permite a ação dos músculos para bombear o sangue em suas pernas e assim ajuda a prevenir a estagnação do sangue nas veias.


Alimentos que podem causar Enxaquecas

Queijos velhos
Carne velha, enlatada, defumada ou processada
Abacate
Levedura de cerveja
Cafeína
Chocolate
Laticínios preparados com culturas bacterianas
Lentilha
Carnes para lanches, defumadas e outros alimentos contendo nitratos
Glutamato monossódico
Comidas a escabeche, em conserva ou marinadas
Passas
Chucrute
Sal
Vinho


Protetor solar – pele

Usar protetor solar sempre que se expor ao sol é fundamental para proteger a pele dos efeitos dos raios solares. De acordo com a gerente-geral de Cosméticos da Anvisa, Josineire Sallum, o ideal é evitar o bronzeamento e utilizar sempre algum tipo de proteção quando for realizar atividades ao ar livre.


1. Tireoidismo

• O que é: refere-se a disfunções da glândula tireóide. Pode ser hipertireoidismo (superprodução de hormônios tireoidianos) ou hipotireoidismo (produção abaixo da quantidade necessária).

• Sintomas: no hipotireoidismo, a mulher raciocina com dificuldade, tem tendência à depressão, sonolência, ganho de peso, pele seca. Já no hiper-tireoidismo, a pessoa fica nervosa, irritada, tem insônia, taquicardia, intolerância ao calor e perda de peso.

• Diagnóstico: exame clínico, exame de sangue e ultrassonografia da tireóide.

• Tratamentos: com medicamentos específicos que regulam a função da glândula tireóide e cirurgia, quando há a presença de nódulos grandes ou malignos.


2. Depressão

• O que é: doença causada pela baixa de serotonina e noradrenalina – substâncias cerebrais que proporcionam sensação de bem-estar. Estresse, cobrança por bom desempenho e traumas também desencadeiam o mal.

• Sintomas: sensação de tristeza, cansaço, mau humor, alteração no apetite, timidez, baixa na libido, sensação de inutilidade e impotência.

• Diagnóstico: não existe exame específico para flagrar a depressão. O diagnóstico é clínico a partir da história de vida do paciente e dos sintomas.

• Tratamentos: psicoterapia, antidepressivos e exercícios físicos.

3. Reumatismo

• O que é: termo usado para denominar uma série de doenças que comprometem ossos, cartilagem, articulações, tendões, ligamentos e músculos. “As doenças reumáticas que confundem os médicos são artrite reumatóide, tendinites e bursites”, diz José Goldenberg, reumatologista do Hospital Israelita Albert Einstein, de São Paulo.

• Sintomas: inchaço, dor, calor na junta, rigidez matinal, fadiga, perda de apetite, fraqueza em membros.

• Diagnóstico: raios X, tomografia computadorizada, ressonância magnética e exame de sangue, além do exame clínico.
• Tratamentos: analgésicos, antiinflamatórios, antidepressivos, terapias corporais, dietas e até cirurgias reparadoras.


4. Fibromialgia

• O que é: síndrome dolorosa crônica que acomete todo o corpo. Estima-se que 2% da população mundial sofre de fibromialgia, 80% são mulheres entre 30 e 60 anos.

• Sintomas: dor moderada a severa pelo corpo todo. Distúrbios de sono, enxaqueca, formigamento e vertigem.

• Diagnóstico: é clínico com apalpação de alguns pontos.

• Tratamentos: analgésicos, antidepressivos, acupuntura, massagem, psicoterapia e exercícios leves.


5. Endometriose

• O que é: presença de células do endométrio (camada que reveste o útero) em outros órgãos, como ovários, trompas e intestino. “Estima-se que de 5% a 15% das mulheres em idade reprodutiva têm endometriose, e que demora de 9 a 12 anos para ser diagnosticada”, diz a ginecologista Ivani Kehdi, de São Paulo.

• Sintomas: cólicas fortíssimas, somadas a dor no fundo da vagina durante o ato sexual, alterações intestinais e infertilidade.

• Diagnóstico: o médico pede a ultra-sonografia e confirma com a videolaparoscopia – aparelho que já trata.

• Tratamentos: videolaparoscopia – o doutor visualiza o útero com microcâmeras e cauteriza as células fujonas do endométrio. Também bloqueia a menstruação com remédios.


FRUTAS CÍTRICAS

AO MANIPULAR FRUTAS CÍTRICAS, LAVAR BEM AS MÃOS COM ÁGUA E SABÃO, POIS SUMO DESSAS FRUTAS PODERÁ CAUSAR QUEIMADURAS DE PRIMEIRO E SEGUNDO GRAU AO ENTRAR EM CONTATO COM O SOL. (DR RICARDO)

Até o sexto mês de vida o bebê deverá ser alimentado exclusivamente com o leite materno. Ele não precisará de água ou chás. Qualquer mudança nessa regra deverá ser feita com orientação do seu pediatra.


Os sucos de frutas - principalmente os feitos com as cítricas - devem ser oferecidos durante a refeição. Além de se formar um hábito saudável, evitando que, no futuro a criança beba refrigerantes, o ferro dos alimentos será melhor absorvido.

As frituras são praticamente proibidas até o pequeno completar um ano. Depois dessa fase, de vez em quando, a criança pode comer batatinha frita, bife frito, etc. Mas o melhor é grelhar as carnes.



parceiros